Marido morre ao tentar salvar mulher derrubada por onda após selfie

Bombeiros resgataram o casal de São Paulo em praia de Cabo Frio, no RJ. Testemunhas contaram que casal se arriscou em beira de pedra.

201601072015_fb63437343
Momento do resgate do casal

Um vídeo divulgado nesta quinta-feira (7) mostra o resgate de um casal de São Paulo que foi surpreendido por uma onda no momento em que fazia uma selfie em uma pedra da Praia das Conchas, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio. Ao perceber que a onda levou a mulher, segundo o Corpo de Bombeiros, Douglas Corral da Silva, de 31 anos, pulou para tentar salvá-la mas acabou morrendo. O afogamento ocorreu na última segunda-feira (4).

O resgate, mostrado nas imagens divulgadas por um agente do Corpo de Bombeiros, ocorreu próximo às pedras onde o casal estava. Mesmo sendo resgatado primeiro, Douglas não resistiu. A mulher, que não teve o nome divulgado, aguardou em um bote até o retorno do agente, que estava em uma moto aquática. A vítima saiu consciente da água e com ferimentos leves, segundo os bombeiros.

Ainda de acordo com os bombeiros, testemunhas que estavam próximas ao casal disseram que viram o momento em que os dois se aproximaram da beira da pedra para fotografar, mesmo em meio às fortes ondas registradas.

O IML de Cabo Frio informou que o corpo de Douglas foi liberado na terça-feira (5) mas não soube informar para onde foi encaminhado.

Bombeiros alertam para ressaca
Após o caso e outras duas mortes por afogamento em Cabo Frio, o Corpo de Bombeiros pediu atenção aos banhistas que frequentam as praias da região, já que o mar está muito agitado e com valas.

O alerta de ressaca foi reforçado pela Marinha na manhã desta quinta. Segundo a Capitania dos Portos, as ondas podem chegar a 2,5m.

A orientação do Corpo de Bombeiros é que os visitantes evitem a proximidade com as pedras.

“É um local aprazível, as pessoas vêm para tirar fotos, acham bonito, só que o risco é muito grande”, explicou o tenente-coronel do 18º CBM, Leonardo Couri, que informou que as equipes e os avisos no local serão reforçados durante o período de ondas intensas informado pela Capitania dos Portos.

G1